Sabado, 15 de DEZEMBRO de 2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

oi, filho

O quanto pesa carregar um filho no colo?

por Vinicius Ferrari | Oi, filho | Publicada em 08/08/2018 às 16h53| Atualizada em 14/08/2018 às 14h16

Talvez a pediatra me diga 9,5 kg ou o aplicativo do meu banco que pesa alguns bons reais a menos, todos os meses, no meu orçamento. Um bom médico talvez me diga que pesa essas linhas de expressão na minha testa, a antecipação do temido cabelo branco ou o cansaço pelas noites sem dormir, seja pela insônia dele ou pelas horas olhando para a parede pensando o que vamos fazer no próximo mês. Eles podem dizer tudo isso, e talvez até tenham razão, mas para mim meu filho não pesa nada.

Noite dessas, assistindo televisão no sofá da sala, percebi que o Benício já havia adormecido há quase uma hora no meu colo e eu ainda não o tinha levado para a cama. Foi olhando para meu filho, dormindo nos meus braços, que eu entendi que quando a gente vira pai, vira um pouco super herói mesmo, não tem dor nas costas, sono ou indisposição que nos faça negar um colo para nossos filhos. Lembro que antes de ter um bebê, olhava para os pais e mães carregando seus filhos no colo, adormecidos, nas reuniões de família ou até mesmo no transporte público e ficava imaginando o trabalho que deveria ser carregá-los por aí. A paternidade ensina, que literalmente Deus não dá peso maior que você possa carregar.

Dar colo é bom, reconfortante, é gostoso e faz bem para a alma, pois quando pegamos uma criança no colo, a gene lembra de quando nós éramos as crianças e o colo almofadado era de nossos pais.  Melhor que isso? Só colo de vó!

 Um colo não pesa porque no fundo, qual pai não gosta de sentir que é útil? Que o filho encontra em ti segurança, carinho, e calor para adormecer?

Este será meu terceiro dia dos pais. O primeiro, um dia depois de descobrir que Beni estava vindo. No segundo ele não entendia muito bem as coisas e agora vamos realmente aproveitar nosso dia juntos, com direito a almoço gostoso na casa do avô, junto com o primo e os titios. E se ele se abraçar na minha perna,  olhando para cima com cara de “me dá um colinho pai”, vai ser um prazer içar ele para o alto e recebê-lo em meus braços. Sabe porque? Filho no colo pesa um total de 0kg e é o melhor antidepressivo, calmante e revigorante que existe.

 

 
Diário de Viamão - O Grupo
Grupo do Facebook · 2.160 membros
Participar do grupo
Grupo apartidário dedicado à divulgação de notícias, opiniões, serviços, brikão e tudo o que você quiser compartilhar sobre Viamão e região.
 

 

 

 

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS