Sexta-feira, 20 de SETEMBRO de 2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

DV TECH

As novidades do iOS 13 que chegará aos iPhones (e iPads) em setembro

por Pedro Nunes | DV TECH | Publicada em 07/06/2019 às 16h13| Atualizada em 10/06/2019 às 10h14

Na última segunda (3), a Apple realizou sua tradicional conferência de desenvolvedores, a WWDC. Entre as novidades apresentadas, estão atualizações para os sistemas operacionais que equipam os produtos da empresa: o Mac, Watch, iPhone, iPad e Apple TV. Na coluna desta semana, vou focar nas mudanças que chegam ao iPhone e iPad, produtos mais populares da gigante de tecnologia. 

A 13ª versão do sistema operacional do iPhone trará muitas novidades. A principal delas é o modo escuro, que será expandido para todo o sistema, como Telefone, Mensagens e Notas. Esse era um recurso muito esperado pelos usuários, já que ele pode trazer um maior conforto na usabilidade durante a noite, quando nossos olhos já estão mais cansados. Na área de fotografia, o sistema trará um novo efeito de luz, o High Key Mono, que desfoca o fundo da fotografia e aplica uma camada branca. O app Fotos foi completamente remodelado, contando com abas de dias, meses e anos. Segundo a Apple, a ideia é que os usuários possam ver a evolução de momentos importantes da sua vida, como o crescimento de um filho, por exemplo. Na hora da edição, o sistema conta com ferramentas mais poderosas para deixar aquela sua selfie ou sua foto mais bonita, possibilitando pela primeira vez que o usuário edite a proporção de um vídeo. 

Talvez a área que a Apple mais tenha falado no evento é sobre a privacidade dos usuários dos sistemas operacionais da empresa. Sabe aqueles aplicativos que permitem que você se logue com sua conta do Google ou Facebook? Pois é. Por um lado pode ser uma mõo na roda, já que evita que tenhamos que preencher nossos dados completos, mas muitas vezes acabamos não sabendo o quanto o Google ou Facebook sabem sobre a gente e com quem eles compartilham esses dados. E é aí que entra o “Sign in with Apple”. O recurso permitirá que os usuários possam logar nos apps usando sua conta da Apple, que segundo a empresa é mais seguro e não conta com coleta de dados. 

Para o Mapas, a empresa continua investindo em melhorias, apesar da dominância do Google nesse mercado. Agora o mapa conta com melhor qualidade em casos de montanhas e estradas e um recurso chamado Look Around, que nada mais é que uma versão turbinada do Google Street View. Infelizmente, porém, a empresa não deu datas de quando esses novos recursos chegam ao Brasil. Eles serão limitados aos EUA até o final do ano. No caso da assistente pessoal Siri, ela ganhou uma voz menos roborizada, graças a tecnologias de aprendizado de máquina, os Memojis, emojis animados que usam a câmera frontal de iPhones X ou superior ganharam mais opções de personalização, como piercings e maquiagens. O aplicativo Lembretes ganhou uma nova cara, com possibilidade de criação de listas com datas, localizações e outros. Além de tudo isso, a Apple afirma que o sistema ainda está mais rápido que o iOS 12, trazendo melhorias para todos os aparelhos que suportam o sistema (veja mais abaixo). Um exemplo dado é de que o Face ID está até 30% mais rápido em iPhones que contam com o desbloqueio facial. 

Mas talvez a maior novidade do evento tenha sido o fato da Apple ter anunciado o iPad OS, um sistema operacional próprio para o tablet. Ele conta com recursos poderosos que facilitarão a vida dos usuários, como a possibilidade de usar duas janelas do mesmo app ao mesmo tempo, novos gestos de copiar e colar texto, uma nova tela de início com a possibilidade de inserção de widgets, novos recursos para o Apple Pencil, possibilidade de usar o tablet como segunda tela do Mac e de usar pen drives e discos rígidos externos. Tudo isso pode fazer com que o iPad possa substituir ainda mais computadores, algo que a Apple vem insistindo nos últimos anos com os lançamentos da linha Pro. 

Quando meu iPhone/iPad vai ser atualizado?

Em setembro. A partir de agora, a Apple e desenvolvedores começam os testes para que os aplicativos e recursos estejam rodando perfeitamente em todos os aparelhos suportados. Há uma versão de testes pública prevista para Julho, mas é bom lembrar que ela conta com muitos bugs. O melhor mesmo é esperar até setembro. 

Quals produtos poderão ser atualizados? 

Todos os iPhones a partir do 6s, lançado em 2015. São eles:

iPhone 6s

iPhone 6s Plus

iPhone SE

iPhone 7

iPhone 7 Plus

iPhone 8

iPhone 8 Plus

iPhone X 

iPhone XR

iPhone XS

iPhone XS Max

Para o iPad, os modelos que receberão o iPad OS são:

iPad Air 2

iPad Air de 3ª geração

iPad mini 4

iPad mini de 5ª geração

iPad de 5ª geração

iPad de 6ª geração

iPad Pro de 9,7 polegadas

iPad Pro de 10,5 polegadas 

iPad Pro de 11 polegadas

iPad Pro de 12,9 polegadas

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS