Quinta-feira, 14 de DEZEMBRO de 2017

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

opinião

O gato da Venâncio

Publicada em 01/09/2017 às 08h52| Atualizada em 02/09/2017 às 09h42

Não era um bicho de estimação. Mas era gato. Circulava de jeans surrados e camiseta manchada de tinta pela Avenida Venâncio Aires. O dia estava nublado. Mas perto dele, a sensação era de pleno sol. Desceu do carro e rumou até a escola de informática.

Sua pretensão era fazer um curso  sobre vídeos digitais. Queria compreender a breve história da montagem das imagens. Talvez no fundo, quisesse mesmo era ser filmado. Talvez alguém já teria dito a ele que era lindo.

 Pensava seriamente em se tornar cineasta. Destes que ganham “Kikitos” em Gramado. Destes que sonham alto. Talvez, com alguma obra cinematográfica inscrita no Festival de Cinema de Cannes. Mas eis que adentra à Escola. Com seus longos cabelos castanhos, alta pretensão profissional e  olhar Rodolfo Valentino.

 As colegas da informática deveriam se perturbar com a presença dele. Logicamente, as apreciadoras de gatos. Fez a matrícula e, semanalmente dirigia-se à central de ensinamento. Estudando muito. Como convém aos gatos inteligentes.

O gato da Venâncio era de Porto Alegre. Um “gúri mui lindaço”, diriam as tradicionalistas. Tinha pais gaúchos. E avós colonizadores do Rio Grande do Sul que, mesclaram suas raças: alemão, francês e italiano. Daí sua pele maravilhosa. Daí sua estatura. Daí sua sede de conhecimentos e, sua presença marcante. Tanto nas aulas de informática como no verão na Praia da Joaquina. Nos bares, regados a chopp e  ensolaradas ruas de Floripa.

Era um apaixonado pelo mar. Surfava amadoristicamente. Mas sempre compenetrado. Outubro estava chegando. E a vontade de rever o mar era grande. Assim que a Escola de Informática lhe conferisse o diploma de conclusão do curso, ele viajaria para Florianópolis. Rever amigos, surfar e falar de cinema com as garotas.  Que entusiasticamente, eram apaixonadas por ele. Seu nome, Felício Benetti. Portoalegrense de coração e nascença. E, belo. Muito belo.

 

 

Últimas Ana D Ávila

Paginas: [1] 2 Próxima »
Administrativo/comercial
51 3046-6114 - Ramal: 200
Redação
51 3046-6114 - Ramal: 202

redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari - repórter
Guilherme Klamt - repórter/imagens
Silvestre Silva Santos - editor/economia
Maiara Tierling - administrativo/comercial
Rosângela Ilha - diretora
Roberto Gomes - diretor
Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS