Segunda, 21 de OUTUBRO de 2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

coluna da tainá

Uma fila sem fim

Publicada em 08/04/2019 às 00h13| Atualizada em 17/04/2019 às 10h40

Essa fila durou três dias. Três infinitos dias exaustivos. Mas calma, não se trata de algo grave, sem de problemas de saúde. É apenas o desespero e milhares de fãs em busca de ingressos. E sim, eu estava lá.

Bom, tudo começou no dia 3 de abril, uma quarta-feira. Exatamente às 10h, o Shopping Praia de Belas, em Porto Alegre, abriu as portas da bilheteria para às vendas do show de reencontro da dupla Sandy & Júnior. Poderíamos (e deveríamos) imaginar que ocorreria tudo bem, certo? Mas não. Em torno de seis horas de filas os ingressos da pré-venda esgotaram. Sim, isso mesmo: os ingressos destinados a pré-venda não existiam mais. Eu, na minha singela inocência de fã desde 1995 não imaginava tamanha disputa. Confesso, algumas lágrimas ameaçaram rolar pelo meu rosto. Mas respirei fundo e ouvi de alguns conhecidos a seguinte frase:

- Te acalma, tem mais 60% dos ingressos ainda. E começa na sexta-feira.

Ok, os compassos do meu coração retornaram ao normal e pude seguir meu dia.

As horas foram passando e eu me pegava pensando em uma boa estratégia para conquistar o tão desejo ingresso. Será que fico atualizando o site sem parar? Será que compro em outro estado? Será que peço para alguém ficar no meu lugar? Ou deixo tudo para trás e fico em frente ao shopping até executar a bendita compra? É claro que eu fiz a escolha mais correta: larguei todos os compromissos e me joguei naquela fila. Será que agora posso ficar sossega? É óbvio que não! Estamos falando do maior evento nacional deste ano – se vocês ainda não estavam considerando esse fato, por favor, o façam imediatamente e por quê?

Porque os ingressos esgotaram mais uma vez! Sim, eram 1h06 e não tinha mais nada de ingresso disponível no site oficial. Céus, meu coração pulava de tanto desespero. E agora, vai ter ingressos na bilheteria? Naquele momento, nem dormir me acalmava. Eu precisava entrar imediatamente naquela fila.

Embaixo de chuva, peguei a ficha 97 e desejei imensamente que tivesse 99 ingressos naquela bilheteria, pois confesso, não sei o que aconteceria se eu não efetuasse logo aquela compra. As próximas quatro horas foram de espera. Onde vi gente chorando, sorrindo, correndo e gritando de alegria. Quando chegou a minha vez só descansei quando guardei meu ingresso e bem guardado. Depois disso, pude retornar para casa e descansar.

Agora, é esperar o dia do show e ter mais uma preocupação: que hora será que eu vou para a fila do show?

Últimas Tainá Rios

Paginas: [1] 2 3 Próxima »

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS