Sexta-feira, 17 de AGOSTO de 2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

alimentação saudável

É necessário se livrar do pãozinho para buscar o emagrecimento?

Publicada em 11/06/2018 às 10h45| Atualizada em 14/06/2018 às 10h08

Conheço muitas pessoas que responsabilizam o consumo de pão pela sua reserva de gordura. Ele aparece como o horror das dietas: estou tentando emagrecer, vou cortar o pão da minha vida. Mas aí questiono, é necessário se livrar do pãozinho para buscar o emagrecimento? Eu conheço um caminho mais fácil! Vamos começar pelo macronutriente mais abundante nos pãezinhos: o carboidrato. Ele tem papel energético fundamental no nosso organismo. É classificado de duas maneiras sendo carboidrato simples e/ou complexo. O carboidrato simples apresenta uma rápida absorção, sendo muito difícil utilizar sua energia fornecida por completo (sem que "sobre"), podendo ocasionar as reservinhas indesejadas.

No caso dos pães, serão denominados como carboidratos simples o pão branco. Estão presentes também em biscoitos, cucas e na maioria dos produtos de padaria. São alimentos onde sua preparação tem como principal ingrediente a farinha de trigo (enriquecida com ferro e ácido fólico). Esses, trazem pouca saciedade, o que acaba que levando facilmente aos excessos.

Já os os pães de carboidrato complexo, serão os pães integrais, ou seja, na preparação a farinha integral será o principal ingrediente. E não somente ela, podendo ser aveia, centeio, entre outros grãos. Esses são compostos por um alto teor de fibras, trazendo uma grande e prolongada saciedade, que ocorre de forma mais precoce.

Bem, não preciso nem responder qual o mais benéfico, não é mesmo? A nossa reposta estará no rótulo desse alimento. Como os ingredientes estão citados de forma decrescente, ou seja, iniciando pelos de maior quantidade, o primeiro obrigatoriamente deverá ser: farinha integral. A ANVISA não determina que o fabricante exponha o quanto de farinha integral foi utilizada em comparação aos outros ingredientes. Logo, se o segundo ingrediente for farinha de trigo enriquecida com ferro e ácido fólico (vulgo farinha branca), essa proporção será de até 50% para farinha integral, ou seja, meio a meio. O que quero dizer é que é necessário olhar o todo. Prefira os pães com farinha integral como primeiro ingrediente, bem longe da farinha branca se houver (se não tiver, melhor). Dê preferência aos ricos em grãos, que logo serão ricos em fibras, responsáveis pelo aumento da saciedade e isso ajuda (e muito) a evitar os pequenos exageros. Contudo, procure evitar aqueles muito ricos em conservantes. Não adianta pensarmos somente na qualidade dos carboidratos e esquecer os malefícios dos aditivos (na foto dois exemplos para vocês treinarem).

O equilíbrio deve estar além da quantidade e longe de banir algo que você gosta da sua vida! É necessário pensar em qualidade e avaliar o todo. Já vou indo, meu café com pãozinho me espera!

Últimas Isadora Gibeke

Administrativo/comercial
51 3046-6114 - Ramal: 200
Redação
51 3046-6114 - Ramal: 202

redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari - repórter
Guilherme Klamt - repórter/imagens
Silvestre Silva Santos - editor/economia
Maiara Tierling - administrativo/comercial
Rosângela Ilha - diretora
Roberto Gomes - diretor
Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS