Sabado, 17 de AGOSTO de 2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

movimento negro

Local de fala

Publicada em 28/05/2019 às 09h44| Atualizada em 29/05/2019 às 15h51

Axé manos manas e monas do meu guetto, hoje me lembrei de uma cena do filme do Donald Glover (Childish Gambino), onde um amigo tenta convencer ele a investir parte de seu dinheiro em um plano futuro e este rebate, que os irmãos não fazem isso porque não tem tempo eles precisam lutar todo dia para ter, pelo menos, o que comer no dia seguinte. 

 

Falar em poupança, CDI, ações, aposentadoria…. Se torna uma coisa difícil quando não se pode parar. Quando começamos com nossos diálogos internos sobre o firmamento da construção do Ubuntu Viamão nos questionamos o porque não há negros ativos em local de fala e militância em Viamão, “pois oras é nossa comunidade e há necessidade disso”. Mas fazendo o teste do pescoço vemos que nos; autônomos, professores, universitários, donas de casas, mães etc. Temos uma vida tumultuada estamos constantemente na luta de sobrevivência comum que fica difícil alçar a parte do nosso protagonismo negro na comunidade viamonense.

 

Essa semana mesmo não pude fazer nada, e me sinto extremamente mal por isso, já que sou o único desempregado não estudante e autônomo do grupo o que me permitiria em tese mais tempo para essas ações afirmativas. 

 

Nesta mesma semana fiquei doente e tentei ir na UPA da 36 aqui nas duas vezes que fui esperei 6 e 4 horas respectivamente para no final não ser atendido. .

 

Penso eu que posso ficar esse tempo não consegui, como uma irmã negra que tem filhos emprego ou estudo conseguiria buscar sua saúde? Ela já trabalha já paga imposto mas não conseguiria. E outra como nosso município que é rotulado (gente aparece até no Wikipédia nossa cidade como referência) cidade-dormitório carece tanto de estrutura de saúde primaria ambulatorial emergencial clínica e de análise sendo que a população mora aqui e aqui que deveria buscar esses recursos. E mais já que é o município mais afro do nosso estado porque não ha politicas afirmativas para a população negra [anemia falciforme; lesões laborais, IST’s], meus irmãos e irmãs essa é uma constatação de um usuário do sistema no começo do inverno mas é uma contatação obvia, a anos carecemos de estrutura, saúde, mobiliário urbano representatividade executiva e parlamentar NEGRA. Daqui a pouco tera eleições municipais pelo que pude perceber nas minhas fontes já há articulação politicas do poder pelo poder em nosso município sem tocarem nessas pautas. Vamos ficar de olho no aqui agora nos somos os únicos interessados nas nossas necessidades. 

 

A demografia e a especulação imobiliária esta fazendo nosso município inchar não temos estrutura água, luz, recolhimento de lixo, transporte público para essa bolha, e nossos políticos estão mais preocupados com o poder pelo poder e seus CC’s do que o povo. Sinto mais que nunca a necessidade de gente preta bem intencionada a frente das questões de Viamão 

 

Axé

Últimas Ubuntu Viamão

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS