Segunda, 15 de OUTUBRO de 2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

educação

A atividade faz parte da 25ª Semana Interamericana da Água e ocorre até o dia 04 de outubro, com a participação 3.376 estudantes, de nove municípios. Foto: Tainá Rios/DV

Jovens viamonenses levantam a bandeira do saneamento básico

por Tainá Rios | Publicada em 03/10/2018 às 15h33| Atualizada em 08/10/2018 às 20h01

“Existem três tipos de empresas: as que fazem as coisas acontecerem, as que ficam observando e as que se perguntam o que pode acontecer”, foi assim que o diretor de Relacionamento da Quinta da Estância, Rafael Goelzer deu início a 3ª Edição do Projeto Jovens Embaixadores do Saneamento Básico. O projeto é uma Parceria Público-Privado (PPP), entre a Corsan o a fazenda pedagógica, e tem como principal objetivo tornar os jovens alunos da rede municipal de ensino multiplicadores do conhecido sobre o saneamento básico.

A atividade faz parte da 25ª Semana Interamericana da Água e ocorre até o dia 04 de outubro, com a participação 3.376 estudantes, de nove municípios. Só de Viamão, foram 12 EMEFs, totalizando 718 alunos. Ao todo já são 58 escolas participantes e 10.025 estudantes que terão a oportunidade de praticar seus conhecimentos para contribuir com a preservação do planeta.

Seguindo Rafael Goelzer, em três edições do projeto Jovens Embaixadores do Saneamento Básico, foram formados 10.025 estudantes. Em 2017, ocorreram duas edições, uma na 1ª Semana Mundial do Meio Ambiente, com 3.319 estudantes, e a outra na 24ª Semana Interamericana da Água, com 3.330 alunos de escolas públicas.

- Todas as atividades oferecidas pelo projeto são um conjunto de aula práticas e educativas, onde os jovens aprendem por meio da ilustração, deixando o aprendizado mais visível e claro. Eles não guardam conhecimento, mas mulplicam – explica Rafael.

A novidade deste ano foi a inclusão social dos alunos da Escola Especial para Surdos do município de Gravataí. Os 10 estudantes acompanharam todas as aulas com auxilio de interpretes de Libras. A Fazenda Quinta da Estância é um dos únicos locais de turismo do Brasil com monitoria em Libras.

Também participaram da cerimônia a Presidente da Abes, Jussara Calil Pires, a Secretária de Educação de Alvorada, Neuza Machado Teixeira, a Secretária de Meio Ambiente de Alvorada, Ângela Maria do Amaral, o Secretário de Educação de Sapucaia do Sul, Luciano Rodrigues, a Secretária de Educação de Eldorado do Sul, Ana Rita Poggetti, a Secretária de Educação de Guaíba, Virgínia Viegas, a Secretária de Educação de Canoas, Eliane Escobar, o Secretário de Desenvolvimento de Viamão, Túlio Barbosa, o Secretário de Educação de Viamão, Carlos Bennech, o Secretário de Meio Ambiente de Viamão, Gilberto Braga, a Secretária de Educacao de Cachoeirinha, Rosa Maria Lippert, a Secretária de Cultura e Esporte de Cachoeirinha, Sonia Rejane, e o Comandante do 18o BPM, André Felio.

 

Como ser um embaixador do saneamento básico

Assim que os estudantes chegam à Quinta da Estância são convidados a participar de uma trilha nas áreas de preservação ambiental, com vista à nascente do Rio Gravataí. Acompanhados pelos monitores, os alunos aprendem sobre a origem da água potável, da importância da preservação das nascentes na formação dos rios e arroios, a qualidade da água e o papel de cada individuo para a preservação do meio ambiente.

Logo depois da caminha inicia uma grande oficina. Nas aulas demonstrativas, são explicadas a formação dos recursos hídricos e ciclos da água, os tipos de uso corretos e os volumes consumidos diariamente em residências. Também são apresentados os simuladores de consumo com uso racional e reaproveitamento de recursos, bem como a importância para a saúde de todos de uma água e um esgoto tratado e, por fim, o recolhimento do lixo doméstico. Atualmente, as atividades são direcionadas para as crianças matriculadas nos 6° e 8° anos do ensino fundamental, mas a intenção é proporcionar aos alunos mais velhos, como afirma a fundadora da Quinta da Estância, Sônia Goelzer:

- Este ano tivemos apenas uma edição, mas a intenção é ter mais atividades ao longo do ano e trazer os alunos do ensino médio também – explica a fundadora e pedagoga.

Todos os estudantes também participam de uma dinâmica na ponte de água, onde cada aluno representava uma residência, como partes de encanamento. O trabalho é em grupo, de forma cooperada, para levar a água tratada, sem desperdício, até o local indicado. No final de todas as atividades, os alunos percebem a relevância de uma equipe unida e forte. E para marcar essa grande etapa, as turmas realizam a confecção da “Bandeira do Saneamento Básico”. Nela estão os compromissos aprendidos com o saneamento básico, com as próprias casas e com a comunidade. Com todas as metas cumpridas, os estudantes receberam o certificado de “Embaixadores do Saneamento Básico”.

 

O exemplo viamonense

O prefeito de Viamão, André Pacheco, parabenizou o projeto viamonense “Cidade Limpa”, desenvolvido nas escolas e com foco na sensibilização dos estudantes, incentivando o cuidado e descarte correto do lixo nas próprias casas.

- Além de mantermos a cidade limpa com essa atitude, conseguimos reduzir criadouros do mosquito Aedes Aegypti e, em 2018, não tivemos nenhum caso registrado de dengue no município. Em 2016, tivemos 150 casos e em 2017, com a ação reduzimos para 10. Estaremos lançando neste mês o projeto Escola Aberta, onde levaremos várias oficinas de reciclagem, preservação ambiental, entre outras atividades. Queremos criar a consciência coletiva - explica Pacheco.

Os alunos do município foram representados pelas escolas de ensino fundamental Apolinário Alves dos Santos, Humberto de Campos, Olympio Coelho de Oliveira, José Loureiro da Silva, Frei Pacífico, Presidente Getúlio Vargas, Farroupilha, Jardim Outeiral, Jerônimo Porto, São Jorge, Amador Nunes da Rocha e Nossa Senhora de Fátima.

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS