Terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

fake ou news?

Viamão pode ficar sem gasolina, de novo?

por Vinicius Ferrari | Publicada em 03/09/2018 às 12h10| Atualizada em 12/09/2018 às 15h36

Na tarde do último domingo, 2, muita gente foi pega de surpresa pela “informação” de que os caminhoneiros estariam preparando uma nova greve, já para domingo que vem, 9, devido a nova alta no preço do diesel, anunciado pela Petrobras em 13%, na última sexta, 31. Rapidamente os postos de gasolina de Porto Alegre começaram a registrar filas para a abastecer e o resultado não poderia ser outro: muitos postos amanheceram sem combustível na capital.

A Sulpetro, sindicato que representa os postos no RS, alega que a falta de gasolina se deve a procura desenfreada pelo combustível em um dia de pouco movimento, como o domingo.   Dois dos maiores órgãos de representação dos caminhoneiros, a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA), e a Associação Brasileira dos Caminheiros (Abcam) também negam qualquer movimentação da categoria para uma nova greve. Juntas as entidades representam 1,5 milhões de caminhoneiros.

Aqui em Viamão o movimento na rede Postos da Figueira, que mantém seis postos no município e mais dois na região metropolitana, foi acentuado no final da tarde e noite de domingo e começo desta segunda. Conforme garantiu com exclusividade ao Diário, a rede não enfrente problemas no abastecimento por dois motivos: depende exclusivamente da sua frota de caminhões para abastecer a rede e por haver combustível na distribuidora.  A rede também não percebeu movimentação alguma dos caminhoneiros que possa culminar em uma nova greve.

Ou seja, desta vez o pânico não foi gerado por uma categoria legítima que carrega, literalmente, o Brasil na boleia, e sim por alguma pessoa mal caráter, que com um pingo de conhecimento em formatação de documentos saiu distribuindo notas faltas pelos grupos de Whatsapp. Com tanto político sabotando o país, com tanta coisa errada acontecendo, o brasileiro ainda acha um jeito de sabotar seus iguais. Se isso não é o fim da picada, difícil saber o que é.

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS