Terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

Viamão no mundo

Viamonense vai representar o Brasil na ONU

por Vinicius Ferrari | Publicada em 27/11/2018 às 21h| Atualizada em 30/11/2018 às 16h14

Entre na sala de aula de adolescentes de 15 anos e pergunte quantos ali gostariam de representar o Brasil em uma assembléia jovem da Organização das Nações Unidas. Talvez alguns levantem as mãos por impulso, mas dificilmente você encontrará alguém que sabe de verdade do que está falando. Se esta mesma pergunta fosse feita para a turma da viamonense Laura Ferraz, quando ela tinha 15 anos, ela aceitaria o convite com a mesma alegria que alguém aceita de presente um bilhete da loteria premiado. Foi com 15 anos que Laura descobriu, através de um blog sobre intercâmbio, da “Youth Assembly”, a Assembléia jovem da Onu. Oito anos depois, em 2018 o resultado: a viamonense será uma das representantes brasileiras no evento, que acontece em fevereiro na cidade de Nova Iorque, Estados Unidos.

Duas vezes por ano, no verão e no inverno, a ONU organiza edições do evento que reúne jovens do mundo inteiro, que acredita ter potencial para debater soluções para a chamada agenda 20 30. O processo seletivo é rigoroso: um extenso questionário, em inglês, onde o candidato é submetido a perguntas sobre política, engajamento social, projetos que desenvolve na faculdade e proficiência em inglês, afinal além de ouvir os jovens se reúnem para conversar sobre as questões apresentadas. Após o questionário há ainda uma vídeo chamada com os organizadores do evento e aí é esperar o resultado.

Além da experiência de discursar na ONU, a viamonense ainda terá a oportunidade de se hospedar na Universidade de Nova Iorque, experimentando um pouco da vida universitária em um campus americano e de participar de um baile de gala, promovido pela ONU no centésimo andar do prédio mais alto da cidade. Nada mal, não é mesmo?

- Espero encontrar pessoas e conhecer projetos que sejam impactantes em suas localidades. É uma experiência maravilhosa, que todo o jovem ligado em política, economia ou diplomacia gostaria de ter – conta Laura, que aos 23 anos já concorreu a deputada estadual pelo partido Novo em outubro deste ano.

Como nem tudo são flores, para tornar este projeto realidade, a estudante de administração pública criou uma Vakinha online, onde precisa arrecadar R$ 25 mil para custear a viagem. Do montante, a jovem já conseguiu arrecadar R$ 2 mil.

- Normalmente as pessoas acreditam que só as capitais exportam este tipo de pessoa e eu estou aqui para mostrar que Viamão não é só mato, cachorro e criança. Aqui tem gente preparada sim, e que quer mudar a cidade, o estado e até mesmo o país – conclui Laura, que pretende discursar sobre crescimento econômico, águas limpas e recursos hídricos.

Para ajudar a Laura a ir para os Estados Unidos representar o Brasil, doe através da Vakinha (clicando aqui) ou pelo Whatsapp (51) 9.9191.7514.

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS