Quinta-feira, 18 de ABRIL de 2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

seleção brasileira

Viamonense concorre a vaga na seleção brasileira de taekwondo

por Tainá Rios | Publicada em 04/02/2019 às 14h58| Atualizada em 07/02/2019 às 23h01

Viamão realmente guarda grandes tesouros escondidos. Além dos campeões de xadrez escolar, do skatista como promessa para as olimpíadas, agora temos uma forte concorrente a uma vaga na seleção brasileira de taekwondo: Débora Saionara Pires Rodrigues, de apenas 17 anos embarca para o Rio de Janeiro para concorrer na categoria Adulto +73kg.

 A esportista treina com o Professor Gabriel Lima e faz parte da equipe Kwanki. Durante toda sua trajetória, já conquistou inúmeros prêmios e títulos, entre eles, o terceiro lugar no ranking do Gymnasiade, evento multiesportivo organizado pela Federação Internacional do Desporto Escolar, que ocorreu no Marrocos e ocupando também a colocação de vice-campeã brasileira. No ano passado, foi selecionada para a seleção brasileira júnior. E agora embarca para o Rio de Janeiro para disputar a vaga na categoria adulta.

- Os treinos estão muito puxados, treino musculação e a parte do Taekwondo. Às vezes a gente chega até a pensar que não consegue aguentar o treino, mas meus treinadores não deixam a gente pensar isso e nos incentivam a treinar porque só alcançamos o êxito, treinando – explica Débora Saionara.

 

 

Amigo oculto

Todo o empenho nos treinos e nos campeonatos não são o suficiente para Débora alcançar novos vôos e posições nas seleções estaduais e federais, ela também precisa de patrocinador. Atualmente, a esportista tem três ajudantes: o Doguito Lanches, com ajudas necessárias para os treinos, e o Cirurgião Dentista Jorge Waltmann, que faz os protetores bucais sob medida pras competições, e o Mailton Madruga, que trabalha ventosa terapia e liberação Miofascial e auxilia nas correções de postura e mobilidade. Mas a maior ajuda vem de um anônimo.

As passagens para o Rio de Janeiro são caras e a família da taekwondista faz o possível para ajudar. No ano passado, eles criaram o Pedágio Solidário na parada 36 de Viamão. Os motoristas ajudam com pequenas contribuições que colaboraram para as inscrições da Débora nos campeonatos, alimentação e passagens.

- As passagens eu ganhei de uma pessoa. Na verdade eu diria um anjo, que me deu em anonimato.  O valor das passagens estava muito alto (ultrapassando os mil reais) e tínhamos que resolver logo. Se não fosse esse anjo, com certeza não conseguiria participar – afirma a esportista.

 

 

Com as passagens garantidas, a Débora pode se dedicar com mais atenção aos treinos. Ao lado dela, a mãe Saionara Pires Rodrigues, dona de casa, e o pai Jorge Amilton Waltmann Rodrigues, policial militar, prestigiam e incentivam os treinos da filha.

- Fico muito feliz e meu coração fica radiante em saber que ela se dedicou tanto para chegar até a competição mais importante no nível Nacional - afirma a mãe da competidora, Saionara do lar.

Para o pai, o coração bate mais forte e ele fica muito emocionado. O maior sonho da filha, após ingressar na seleção brasileira, é competir e ganhar o titulo de campeã olímpica.


A viagem para o Rio de Janeiro

Ao lado de Débora, embarcaram para a cidade maravilhosa o técnico Vanderley Dorneles e mais três atletas que também irão em busca de uma vaga na seleção brasileira, são elas: Rafaela Sena, Raquel Ulian, na categoria cadetes e Valeska Pedroso ao lado de Débora na categoria Juvenil-Adulto.

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS