Sabado, 24 de AGOSTO de 2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Facebook

região

Retomadas obras de duplicação da ERS-118

por Redação | Publicada em 26/06/2019 às 10h24| Atualizada em 12/07/2019 às 11h54

A semana começou com máquinas e operários de volta à ERS-118, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Uma semana após o governo do Estado anunciar a liberação de R$ 131 milhões para a duplicação da rodovia – mediante financiamento do BNDES – as construtoras contratadas mobilizaram as primeiras frentes de obras para a continuação dos serviços no trecho de 21,5 quilômetros.

O primeiro trabalho retomado nesta segunda-feira (24) foi a implantação de concreto na pista sob o viaduto da Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, em Gravataí. Ainda esta semana, também recomeçam os serviços de terraplenagem e pavimentação no km 5, em Sapucaia do Sul, e a construção das três pontes sobre o Arroio Sapucaia, no km 6.

Segundo o governador Eduardo Leite, o financiamento obtido junto ao BNDES permitirá que a obra seja executada de forma ininterrupta.

- Estamos muito felizes por dar essa solução definitiva para a conclusão da ERS-118”, salientou. “Uma vez entregue à sociedade, essa obra resultará não apenas no desenvolvimento da economia da região, mas também em uma melhor qualidade de vida às pessoas que se deslocam entre os municípios - afirma.

Cerca de 70 por cento dos serviços necessários à duplicação da ERS-118 – do entroncamento com a BR-116, em Sapucaia do Sul, ao acesso à freeway, em Gravataí – estão concluídos. Entre os km 5 e 21,5, mais de 80 por cento da pista nova foi finalizada. Também serão retomadas a restauração das pistas antigas, as ruas laterais, os acessos aos viadutos já prontos e a construção dos três que faltam ser finalizados. 

O secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, comemorou a quitação dos pagamentos pedentes e assim, dar andamento ao custeio dos serviços realizados.

- O governador Eduardo Leite definiu esse projeto como prioridade, então montamos um cronograma técnico e criterioso, junto ao Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), para finalmente entregá-la à sociedade até dezembro de 2020 - explica.

Obras em execução:

Lote 1 (km 11 ao 21,5): A pista nova está com 90 por cento dos serviços executados. Serão concluídos, ainda, os acessos aos viadutos da Avenida Marechal Rondon e sobre a ERS-020. A restauração da pista antiga está com 55 por cento do cronograma cumprido. Nas ruas laterais, 75 por cento das obras estão executadas.

Lote 2 (km 5 ao 11): É o segmento em que as obras estão mais avançadas, com 88 por cento de conclusão. Na pista nova, 85 por cento dos serviços foram executados. As ruas laterais estão 90 por cento finalizadas. Falta, ainda, concluir os acessos à transposição do poliduto da Transpetro.

Lote 3 (km 0 ao 5): Último lote a ser licitado e ter as obras iniciadas. A pista nova está 50 por cento concluída. Nas ruas laterais, os serviços chegam a 25 por cento. A restauração da pista antiga ainda não teve início para não comprometer o tráfego no trecho.

Viaduto sobre a Avenida Theodomiro Porto da Fonseca (km 3,5, Sapucaia do Sul): 65 por cento concluído, em fase de instalação das vigas.

Viaduto sobre a Linha do Trensurb, (km 1, Sapucaia do Sul): Obra 30 por cento concluída. Está na etapa de instalação dos pilares.

Pontes sobre o Arroio Sapucaia (km 6, Sapucaia do Sul): Cronograma 70 por cento finalizado. Falta a execução dos aterros e da pista de duas das três pontes. |

Tainá Rios

Redação, sugestão de pautas e redes sociais
51 9 9306 0162
redacao@diariodeviamao.com.br

Vinicius Ferrari

Direção Geral e administrativo
51 9 9962 3023
vinicius@diariodeviamao.com.br

Vitor Zwozdiak

Departamento Comercial
comercial@diariodeviamao.com.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web.
2016 - Todos os direitos reservados.

Rua Osvaldo Aranha, 43 - Sala 5 - 94410-630 - Centro - Viamão - RS